segurança

segurança

sexta-feira, 21 de novembro de 2014

Meu Bat Masterson

 

Quem acompanha este blog e até minhas postagens em redes sociais sabe que não costumo tratar de questões pessoais de quem quer que seja e menos ainda das minhas. Festas e tragédias familiares para mim são sentidas na alma e no abraço íntimo, mas abro uma exceção neste 21 de novembro de 2014, data em que meu pai completa 85 anos bem vividos.

Aqui não vou falar do médico competente e do cirurgião exímio, nem do político correto e de posições firmes que inspira gerações e será referência de honradez para a eternidade. Vou falar de amizade, elegância, coragem e senso de justiça que tive, com a graça de Deus, a oportunidade de acompanhar ao longo da vida até aqui.

Desde criança tenho o Manoel Sebastião Pinheiro como o amigo mais leal. Amigo não só meu como seu filho, mas de todos os seus amigos a quem deu provas incondicionais de companheirismo e fidelidade, em que pese ter sido traído por tantos.

Deputado e líder político, nunca se ouviu de sua palavra um insulto e de seu temperamento uma grosseria, assim meu Velho mostra que a elegância só realça a firmeza de caráter e as posições dignas que se deve ter.

Nas dificuldades do caminho e em todas as fazes da vida ele tem tido de uma coragem implacável. Dos incontornáveis revezes pessoais aos necessários enfrentamentos da vida pública sua resposta foi sempre o destemor.

Como bússola espiritual, a noção de justiça é o comando de todas as suas qualidades. Só um justo seria o médico dos pobres, o solidário de todas as horas, o defensor do certo e inimigo de tiranias.        

Por tudo, hoje é o dia folhear o livro da vida, de relembrar tudo, de cantar grandes amores e de festejar o meu mais famoso dos heróis.  


Nenhum comentário: