segurança

segurança

segunda-feira, 8 de dezembro de 2014

Sem Abono, Aumento, Progressões e Pagamento Só em Janeiro, Belezinha Desafia Servidores da Educação


Mesmo com o estado de greve decidido pela Assembleia Geral do Sindicato, o governo Belezinha desafia os servidores ao anunciar, na manhã de hoje em reunião da direção do SINDCHAP com a secretária Maria Coelho, que não vai mesmo pagar abono, não pretende conceder o aumento salarial ordenado pelo Ministério da Educação, que vai pagar só 13º no dia 21, o salário de dezembro será quitado até 5 de janeiro e as progressões prometidas antes do período eleitoral só devem sair em abril de 2015.

Avaliando que a adesão ao movimento grevista está longe do esperado, o SINDCHAP ainda não tomou uma posição sobre o comunicado de Belezinha. Numa posição ainda extra-oficial e considerando os que educadores como um todo foram desafiados com o anuncio, a professora Jane Andrade (vice-presidente do sindicato) declarou que as próximas ações da entidade dependerão da participação em peso dos servidores. “Não convocaremos nova Assembleia Geral a não ser que a categoria provoque a diretoria”, disse a dirigente sindical. 

A direção do SINDCHAP informa que estará na sede da entidade para esclarecer e dialogar com a categoria e deve comparecer à câmara municipal para cobrar a CPI do IPC e a aprovação do projeto de autoria do vereador Eduardo Braga / PT que pretende colocar a gestão da Previdência Municipal sob controle dos servidores.  

Nenhum comentário: