segurança

segurança

quarta-feira, 15 de abril de 2015

“Não Cheguei a Esta Idade Para me Curvar Frente a Qualquer Império de Comunicação”, Diz Levi em Resposta a O Estado


O deputado Levi Pontes (Solidariedade) ocupou a tribuna da Assembleia Legislativa nesta quarta-feira (15), para rebater críticas de sua atuação parlamentar e pessoais, divulgadas nos últimos dias por meio de alguns blogs e redes sociais de O Estado do Maranhão.   

Levi Pontes reclamou que recentemente um blogueiro publicou uma postagem, tentando denegrir sua imagem na Assembleia Legislativa, porque o titular do veículo de comunicação alega que o deputado desqualificou alguns setores da imprensa maranhense.

O parlamentar lembrou que no seu último pronunciamento até considerou a imprensa como o quarto poder no Brasil, pelo respeito que tem à imprensa proba, justa e investigativa, aquela que, pelo menos, se respeita como profissional de comunicação.

Na ocasião, Levi Pontes esclareceu que fez apenas o comentário acerca do jornal O Estado do Maranhão, que tinha publicado gastos supostamente exorbitantes do Governo do Estado em Segurança Pública, de forma errada, mas tudo foi corrigido.

“Foi apenas uma a crítica que fiz durante meu pronunciamento na tribuna da Assembleia Legislativa, porque duvidava do jornalista que fez a publicação, que teria sido elaborada com segundas intenções de manchar a imagem do Governo do Estado”, explicou.  

DIREITO DE DEFESA

No pronunciamento, Levi Pontes esclareceu à imprensa da Assembleia e aos jornalistas, que sua crítica foi exclusiva ao jornal O Estado do Maranhão. “Como parlamentar, me sinto no direito de defender o Governo do Maranhão e tecer comentários a respeito das notícias do nosso Estado”, disse Levi.

Ao se dirigir aos setores da imprensa que o atacaram e tentaram denegrir sua imagem na Assembleia Legislativa e na opinião pública, o deputado Levi Pontes disse que não chegou com sua idade no poder Legislativo para se curvar diante de qualquer império de comunicação existente no Estado do Maranhão.


“Quero dizer a esta pessoa que teceu comentário pejorativo a meu respeito e até do meu pai, Pontes de Aguiar, um ancião e 88 anos de idade, por ser coronel reformado da Polícia do Estado do Maranhão, que tenho muito orgulho de ter pertencido, durante trinta anos, à honrosa e briosa corporação”, concluiu Levi Pontes.  

Nenhum comentário: