segurança

segurança

quarta-feira, 1 de abril de 2015

Vai Encarar? Belezinha Compra Briga com Flávio Dino


Ontem o secretário de obras e articulação política Aluízio Santos fez duras críticas a Flávio Dino pelas ondas da Rádio Mirante de Chapadinha, logo pela manhã (de hoje) foi a vez do secretário de comunicação William Fernandes, num nível que lembrou o período eleitoral e o estilo Caça ao Comunista, usar seu blog para acusar Dino de haver virado as costas para Chapadinha e agora a tarde foi a própria Belezinha quem subiu o tom contra o governador do estado também na Mirante AM.

Aluizio reclamou de lentidão de serviços do estado como se já tivesse entregue obras por ele prometidas e sequer iniciadas como Centro de Convenções, Rodoviária e Duplicação da Avenida das Mil Casas. William diz que Flávio virou costas porque obras do Hospital, Caema e Centro de Hemodiálise estão paradas e que falta professores na rede estadual, como se a prefeitura não tivesse uma penca convênios paralisados não se sabe exatamente por quê e desde 2013 não tivessem alunos de escolas municipais sem várias disciplinas por falta de educadores, como foi denunciado pelo sindicato dos servidores. Agora Belezinha resolveu enxergar as deficiências antigas da CAEMA, coisa que jamais fez nas décadas em que órgão era gerido por indicados da família Sarney e ameaça cancelar a concessão para entregá-la a uma empreiteira.

Aparte e sem prejuízo para cobranças administrativas das duas esferas de governo e debates interessantes como o da CAEMA que não fugiremos, a investida de Belezinha contra Flávio chama atenção pela agressividade, sincronia, desproporção entre os tempos de governos, poder dele e dela e na comparação da excelente aprovação de um versus a estratosférica rejeição da outra.

Para além da devoção que acaso ainda mantenha com a família Sarney, ao patrocinar e tomar parte nas hostilidades contra Flávio, neste início de governo, Belezinha chuta o pau da barraca da convivência institucional, demarca terreno no campo da desorientada oposição estadual e facilita a vida de seus adversários locais. 

Nenhum comentário: