segurança

segurança

quinta-feira, 21 de maio de 2015

Belezinha Assume “Arca” e Promete Apresentar Aquisições em 20 Dias



Falando abertamente e sem a menor cerimônia em propostas, ajudas, contratos, obras, citando nomes e marcando dia para apresentação dos cooptados, a dupla Aluízio e Belezinha assumiu – durante entrevista ao programa Direto ao Assunto, da Rádio Mirante – o projeto da construção de uma Arca para aliciar opositores e aumentar seu grupo político.

Depois que o apresentador do programa (Léo Castro) disse: “tomara que a Arca da prefeita encha que nem a de Noé”, o secretário Aluízio Santos contou como surgiu o termo.  Aluízio confirmou ter falado em Arca durante conversa na casa de alguém que definiu como “aliado do outro lado”. “Nós estamos convidando para um grande projeto, a construção de uma grande Arca”, disse Aluízio, alegando ter se inspirado na Bíblia.

Ainda citando a Bíblia, Aluízio prenunciou que aqueles que não aceitarem entrar na Arca morreriam afogados. “Você ver que Noé passou 100 anos construindo a Arca e convidou todo mundo.  Aqueles que não foram morreram todos no dilúvio”, completou.

De acordo com Aluízio, dentro de 20 dias ele e Belezinha apresentarão as novas conquistas do grupo. “Daqui uns 20 dias vocês vão tá convidados para um grande momento que nós vamos fazer na história de Chapadinha, onde nós vamos convidar uns que estão construindo essa Arca conosco e outros que tão vindo já e que eu acho importante apresentar todos para a sociedade de Chapadinha logo”, anunciou. 

Aluízio também declarou que pretende fazer tudo para evitar desgaste aos que mudarem de lado. “Quando chega trinta dias para ter as convenções eu corro atrás de um aliado e de uma pessoa e sai aquela história fulano comprou fulano (...) então a gente tá trazendo as pessoas, fazendo proposta de ajudar, pra ajudar a construção dessa Arca, deste projeto de desenvolvimento (...) porque é chato você chegar ali 30 dias pra campanha você convidar alguém pra vir fazer parte, ai você queima a pessoa perante a sociedade de Chapadinha”, finalizou Aluízio.

Entre risadas e confissões despercebidas, Belezinha abre sua temporada de compra e eu – pare evitar blasfêmias – retiro o termo “Arca de Noé” e conto 20 dias para ver quem vai ter coragem de se assumir mercadoria e colocar a cara na “Arca da Muié”. 

Nenhum comentário: