segurança

segurança

quarta-feira, 17 de junho de 2015

2014: Chapadinha Gasta 819 Reais com Ações Ambientais e Importa Secretário Contraindo 87 Mil de Dívida com o IBAMA


Na semana do meio ambiente em que a prefeitura leva alunos para conhecerem a situação do Riacho Feio em alusão à data que busca sensibilizar a opinião pública, o pequeno gesto comandado pelo secretário George Gomes e pelo geólogo Carlos Borromeu, dirigente do Comitê de Bacia do Rio Munim já é muito mais do foi feito durante todo o ano de 2014, quando a secretaria de meio ambiente do município era tocada por Alexandre Cardoso, funcionário do IBAMA que Belezinha resolveu trazer para Chapadinha.

Gestão Ambiental R$ 819,60


A falta de ação da secretaria de meio ambiente em 2014, em contraste com os gastos para importar o secretário do IBAMA, se reflete em documentos da prestação de contras que o blog teve acesso. Enquanto a despesa da secretaria (gestão ambiental) foi contabilizada como da ordem de R$ 819,60 (isso mesmo, oitocentos e dezenove reais e sessenta centavos), a prefeitura assumiu dívida com o IBAMA – pela cessão do servidor pelo período de um ano a frente da SEMAS municipal – no valor superior a 87 mil reais (R$ 87.227,67), que deverão ser ressarcidos ao órgão federal em 60 parcelas de R$ 1.454,06.

Dívida por Importar Secretário 87 Mil Reais


De acordo com informações, o valor de R$ 87.227,67 se refere aos vencimentos do ex-secretário Alex Cardoso pelo o IBAMA que a prefeitura de Chapadinha teria obrigação de repassar ao órgão de origem do servidor cedido.  


Enquanto todo o gasto com ações em prol do meio ambiente em 2014 não cobre uma parcela da dívida do IBAMA, a prefeitura traz um servidor com vultosos ganhos para fazer pouco, quase nada ou muito menos que o atual secretário faz ganhando salários bem mais modestos.  

Termo de Confissão de Dívida

Nenhum comentário: