segurança

segurança

segunda-feira, 23 de novembro de 2015

Pressão das Mil Casas e Escola Aldalina Faz o Belezinha se Mexer


Como sóis na tempestade do conformismo geral e da falta interesse de nossa população em lutar por seus direitos, acabamos de ver dois animadores exemplos de que a mobilização e a pressão popular continuam sendo os melhores remédios para combater governos inoperantes e corruptos.

Falo dos moradores das Mil Casas que aos trancos e barrancos vêm conseguindo avançar a obra da duplicação da avenida na base da ameaça de interdição da via e dos estudantes da Escola Aldalina Machado (foto) que denunciaram descaso na escola numa mobilização que já começa a produzir resultados.

Foi só os moradores anunciarem novo bloqueio para esta segunda-feira, para a prefeitura iniciar a fase de imprimação (colocação de queimado) na obra que promete concluir desde 2013.

Abandono da Escola Aldalina 

Também na última sexta-feira os alunos da Escola Aldalina Machado divulgaram fotos mostrando a precariedade do prédio e falta de material didático, limpeza e consumo e resolveram ir à sede da Secretaria de Educação. Após o protesto chegam informações de que a prefeita Belezinha esteve na escola, a secretária Maria Coelho (educação) deu expediente e a diretora teria sido demitida.

Nos dois casos – do absurdo de passar mais de três anos tentando concluir a avenida ao desleixo de permitir que a situação da escola chegasse a ponto tão dramático – se a prefeitura tem muito o que fazer para cumprir seu papel, ao menos se moveu sob pressão. Já as comunidades envolvidas, romperam o comodismo e deram uma lição de cidadania a ser seguido por toda a cidade. 

Nenhum comentário: