Publicidade

Publicidade

quinta-feira, 22 de dezembro de 2016

Sindicato Denuncia Pagamento por Sorteio e Atraso em Salários de Funcionários da Prefeitura


 “É a novela em relação ao pagamento dos Servidores Contratados ainda não acabou e parece que eu me precipitei ao parabenizar a atual prefeita ontem, quando achei que todos os contratados estavam recebendo os salários de dezembro. Acabo de ser informada que nem todos os Servidores Contratados de Chapadinha receberam seus proventos”, assim começa uma nota do SINDICHAP que veio a público denunciar o caso ironizando se seria a volta dos sorteios de salários.

“De acordo com alguns servidores, não teriam sido pagos ainda, os servidores da Secretaria de Assistência Social, alguns vigias e auxiliares de serviços gerais também. Já estamos na segunda metade do mês de Dezembro e a prefeita Ducilene Pontes só autorizou parte do pagamento dos contratados referente ao mês de novembro, ninguém sabe informar se receberão os procedimentos referentes ao mês de novembro”, prossegue a nota assinada pela presidente Jane Andrade.

Ainda de acordo com a nota, “os Servidores Contratados que não receberam seus vencimentos ontem temem ficar sem receber os salários referentes aos trabalhos prestados nesses dois últimos meses. O prefeito eleito Magno Bacelar já manifestou preocupação em relação ao possível débito que a atual prefeita Ducilene Belezinha possa deixar com esses servidores para serem pagos na próxima gestão”.

“É lamentável que os Servidores  Contratados pela administração da atual prefeita, que prestaram um serviço de qualidade e foram leais a prefeita durante sua campanha eleitoral estejam sendo penalizados dessa forma. A prefeita Ducilene Pontes sempre foi conhecida por cumprir seus compromissos financeiros, será que agora no final de seu mandato ela não irá manter essa fama?”, continua a professora Jane.


A nota encerra fazendo um apelo à prefeita Belezinha. “Prefeita seja leal com quem lhe ajudou. Seja a administradora comprometida que muitos acreditam que você seja, pague os trabalhadores. É direito deles e obrigação sua”, finalizou a professora Jane Andrade. 

Nenhum comentário: