segurança

segurança

quinta-feira, 2 de julho de 2015

Aprovado Projeto de Autoria de Levi Pontes que Cria Frente Parlamentar em Defesa do Cooperativismo


O Plenário da Assembleia aprovou, na sessão desta quinta-feira (2), o Projeto de Resolução Legislativa Nº 016/2015, de autoria do deputado Levi Pontes (SD), que dispõe sobre a criação da Frente Parlamentar Estadual em Defesa do Sistema Cooperativista do Maranhão. Após a votação da matéria, o autor do projeto ocupou a tribuna para agradecer a aprovação do projeto, em caráter de urgência.

Levi Pontes afirmou que o Maranhão é um estado que precisa defender o sistema de cooperativismo e associativismo, agregando forças em prol da melhoria da oferta de emprego e de distribuição de renda. Ele citou como exemplo uma cooperativa na área da pesca que está criando, na cidade de Chapadinha.

Em seu discurso, Levi Pontes explicou que a Frente Parlamentar Estadual em Defesa do Sistema de Cooperativismo do Maranhão tem por finalidade a articulação com o poder público, com a sociedade civil e a iniciativa privada, de modo a fomentar o fortalecimento do cooperativismo no âmbito do estado do Maranhão.

O deputado afirmou que há muitas cooperativas, mas a maioria funcionando na ilegalidade. “É preciso que nós, como legisladores, possamos agir, e devemos agir dentro da legalidade”, frisou Levi Pontes, acrescentando que este projeto vai se inserir muito bem no Programa Mais IDH deflagrado pelo governador Flávio Dino.

Será tarefa desta Frente Parlamentar, segundo Levi Pontes, fazer treinamentos para que as comunidades mais pobres possam criar cooperativas de caju, de manga, de pesca e de outras atividades que possam trazer maior benefício para as comunidades mais carentes.

“As estratégias que iremos adotar na Frente Parlamentar serão discutidas através de audiências públicas, através de reuniões desenvolvidas em todo o exercício parlamentar, visando propor ações que contribuam para a efetivação do cooperativismo em geral, promover o cooperativismo como forma de aumentarmos os indicadores de desenvolvimento humano, difundir o sistema de cooperativismo no estado do Maranhão, estabelecer canais efetivos de comunicação e diálogos com o Poder Público Estadual, para melhorar o sistema de cooperativismo no âmbito do estado do Maranhão”, afirmou Levi Pontes.

Em apartes, os deputados Fernando Furtado (PCdoB), Valéria Macedo (PDT) e Fábio Braga (PTdoB) também destacaram a importância da Frente Parlamentar Estadual em Defesa do Sistema Cooperativista do Maranhão, que surge em articulação com o Programa Brasil Cooperativo, e com o conjunto de entidades nacionais, em defesa da prática do cooperativismo.

Ao encerrar seu discurso, Levi Pontes assinalou que o Programa Brasil Cooperativo é uma iniciativa da Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB), que tem como objetivo aproximar as lideranças cooperativistas e políticas por meio da Frente Parlamentar da Assembleia Legislativa, como também das Câmaras de Vereadores em todo o país.


“Eu aqui quero encerrar a minha fala pedindo a ajuda de todos para que participem efetivamente dessa Frente Parlamentar Estadual em Defesa do Cooperativismo do Maranhão e do conjunto das iniciativas que teremos para transformar o Maranhão, em todas suas potencialidades de produção, em um estado campeão de cooperativismo e na terra do desenvolvimento”, finalizou o deputado Levi, agradecendo a aprovação unânime de projeto de sua autoria. 

Nenhum comentário: