segurança

segurança

segunda-feira, 10 de outubro de 2016

Maranhão Entre os Poucos Estados que Garantem 13.º no Prazo


A situação fiscal do Estado tem sido uma prioridade do Governo do Estado, principalmente em manter as contas em dia e assim garantir o pagamento dos salários dos servidores.

Por mais de uma vez, o governador Flávio Dino (PCdoB) destacou que enquanto estados como o Rio Grande do Sul necessitam parcelar os pagamentos, o Maranhão adquiriu uma sobrevida administrativa que lhe garante adiantar os salários. A medida aquece o mercado e gera renda ao comércio. Uma amostra desse compromisso é que o Maranhão é um dos 12 Estados que afirmaram pagar o 13.º dentro do prazo. Os demais terão dificuldades como Rio de Janeiro e Minas Gerais.

A primeira parcela da renda extra foi paga no dia 25 de junho, pelo calendário, o pagamento seria efetuado no dia 1º de julho, mas, devido à viabilidade financeira do Estado, foi possível pagar de forma antecipada. “O compromisso com os servidores estaduais é uma das diretrizes da gestão estadual que desde o primeiro ano de governo tem buscado a valorização dos servidores”, destaca a secretária de Gestão e Previdência, Lilian Guimarães.

O nosso Estado vizinho, Piauí, pagará em dia, mas apenas porque realocou R$ 300 milhões que iriam para investimentos. O pagamento do benefício é dividido em duas parcelas, uma no aniversário do servidor e outra em dezembro, contemplando 58 mil servidores entre ativos e inativos. “A rigor, todos os Estados estão com dificuldade, seja pela queda da receita própria, seja pela queda das transferências”, disse o governador do Piauí, Wellington Dias.

O governador Flávio Dino, além de já ter pago a primeira parcela, garante a segunda até o dia 20 dezembro, data limite por lei.


Além do Maranhão e Piauí, os demais Estados que manterão o 13.º dentro do prazo são: Santa Catarina, São Paulo, Paraíba, Mato Grosso do Sul, Goiás, Ceará, Espírito Santo, Rio Grande do Norte, Paraná e Alagoas.

Do Blog Marrapá

Nenhum comentário: