quinta-feira, 4 de novembro de 2010

IBGE Finaliza Censo Devendo Explicações

O Censo 2010 contabilizou, até 31 de outubro deste ano, 185.712.713 de residentes no país, incluindo brasileiros e estrangeiros. A informação foi publicada nesta quinta-feira (4), no Diário Oficial da União. Foram visitados, segundo a publicação, 67.275.459 domicílios.

O resultado, de acordo com a assessoria de imprensa do IBGE, ainda é parcial. Isso porque, apesar do término da coleta de dados, recenseadores continuam em campo para tentar contabilizar moradores de domicílios que foram considerados fechados durante o levantamento.
Moradores que não foram recenseados também podem acessar a página do IBGE e preencher um cadastro. A verificação desses cadastros evitará a possibilidade de fraude nos dados apresentados pelos recenseadores.

O total de moradores do Brasil poderá sofrer alterações também porque as prefeituras têm até 24 de novembro para eventuais contestações de dados, que serão analisadas pelo IBGE.

A coleta de dados para o Censo 2010 começou em 1º de agosto. De acordo com o IBGE, o censo é a única pesquisa que visita todos os domicílios do país para traçar um perfil abrangente da população. Os resultados são repassados ao Tribunal de Contas da União (TCU) e servem de parâmetro para o repasse de verbas federais a cada cidade. A partir das estimativas populacionais são definidas as cotas do Fundo de Participação dos Estados e do Fundo de Participação dos Municípios, segundo o Instituto.

O resultado final do Censo deve ser divulgado, segundo o IBGE, no fim de novembro. Só então os dados populacionais serão encaminhados ao Tribunal de Contas da União (TCU).

Chapadinha
Em Chapadinha embora os resultados também ainda estejam sujeitos a alterações a dúvida que temos é que se nota pelo tamanho dos Bairros, o crescimento do número de moradias e a movimentação na cidade, a quantidade de habitantes – pouco mais de 70 mil – não estaria muito menor que a realidade.

Um comentário:

alberto disse...

As 'autoridades' municipais querem que sempre que aconteca um Censo, a população de seus municípios aumente exorbitantemente. No entanto nunca procuram realizar políticas públicas que façam com que não ocorra saída de pessoas da cidade. Não procuram desenvolver a cidade da forma correta, investir mais na cidade.. Incentivar vindas de empresas, realizar obras a fim de manter a população. Querem apenas roubar. Dá pra roubar e dá pra fazer!
Chapadinha aumentou mais de 10 mil habitantes em 10 anos. Pro patamar da cidade foi MUITO, em vista que NÃO TEMOS um HOSPITAL DECENTE E ESCOLAS PÚBLICAS DECENTES.
Cabe as autoridades trabalhar mais. Ser prefeito não é apenas assinar documentos, vir na cidade raramente e ficar rodando pela Capital cantarolando em auto e mau som dentro de uma pickup.
PS: Em Chapadinha, a Sra Prefeita não foi recenseada pq NUNCA era encontrada na cidade!