quinta-feira, 6 de março de 2014

Câmara: Falta de Investimento na Cultura Local é Tema da Tribuna Popular

Victor Hugo na Tribuna Popular 

O jornalista e ator profissional Victor Hugo da Costa Leite participou da Tribuna Popular da Câmara Municipal, na sessão de hoje, para tratar da cultura como inclusão social, como ferramenta de difusão de saberes e geração de turismo por meio da produção e manifestações artísticas locais.
  
Pernambucano de nascimento e radicado em Chapadinha, Victor Hugo falou de algumas iniciativas idealizadas por ele nos campos das artes e reclamou da falta de apoio das autoridades. “Vi o município sem programas voltados à cultura. Contudo me propus a contribuir para superar essa carência”, disse.

Victor Hugo relatou ainda ter participado da Conferência Regional de Cultura e, escolhido para representar Chapadinha nas etapas estadual e federal do evento, não conseguiu apoio da prefeitura. “A prefeitura teria que bancar minha viagem para representar Chapadinha, procurei por diversas vezes a secretaria de cultura e nada foi feito, mostrando o descaso e a visão o que representa a cultura em nossa Chapadinha”, afirmou o ativista cultural.

“Acredito que a cultura deva ser olhada com outros olhos, de forma a melhorar a realidade, tirando o município da pobreza intelectual e cultural que nos está sendo imposta, já que não há no momento qualquer dispositivo ou aparelho público como anfiteatro, um cinema, centro de convenções, casa de cultura, museu ou biblioteca; mostrando total falta incentivo à cultura", relatou.


Victor conclamou artistas, produtores e apreciadores de cultura a reagirem à falta de iniciativas e se colocou – ainda – à disposição da prefeitura para ajudar na criação de projetos culturais. “Acredito fielmente que só com parcerias podemos superar o atraso que estamos com relação a outros municípios e regiões do Brasil. Assim não quero jogar farpas e sim ficar aberto a diálogos, de forma a somar com a cidade” concluiu Victor Hugo registrando que apesar da falta de apoio está preparando uma peça teatral sobre a história de Chapadinha. 


4 comentários:

LDCL disse...

Sou Leonardo Leite, Bacharel em Direito, sou Pernambucano residente no Município de Paulista. Acredito que as alternativas relacionadas a Saúde, Educação e Cultura são fatores básicos ao desenvolvimento social, bem como, principais causas da diminuição da violência urbana (criminalidade). Logo, o protesto de Victor Hugo, nada mais é do que uma tentativa humanitária e social visando o aumento da qualidade de vida das pessoas, moradores de Chapadinha/MA. Devem os governantes, saírem de suas capas e, abrir os olhos, utilizando o dinheiro público em favor de seus contribuintes.

LDCL disse...

Sou Leonardo Leite, Bacharel em Direito, sou Pernambucano residente no Município de Paulista. Acredito que as alternativas relacionadas a Saúde, Educação e Cultura são fatores básicos ao desenvolvimento social, bem como, principais causas da diminuição da violência urbana (criminalidade). Logo, o protesto de Victor Hugo, nada mais é do que uma tentativa humanitária e social visando o aumento da qualidade de vida das pessoas, moradores de Chapadinha/MA. Devem os governantes, saírem de suas capas e, abrir os olhos, utilizando o dinheiro público em favor de seus contribuintes.

Leonardo Leite.

JACY E VICTOR UM AMOR PARA TODA A VIDA disse...

Esse texto da matéria não condiz com o texto na Íntegra que lhe na Câmara, onde promovi a cultura, e não falei no tema e nem no subtema, de falta de Investimentos, esse não foi o meu interesse, o meu interesse foi de somar com o Município, e o texto na Integra entreguei a você uma copia. Então gostaria que o mesmo retirasse o texto do Blog, já que não se comprometeu de por o texto que foi de fato lido na Câmara e que foi gravado pela mesma.
Segue o texto na Integra, Jornalismo é respeito e não abuso e nem usando uma pessoa, um cidadão, como Bode Expiatório:
TEXTO NA INTEGRA LIDO EM DISCURSO PÚBLICO NA CÂMARA DE CHAPADINHA EM 06/03/2014 SOBRE O TEMA: CULTURA
DISCURSO NA TRIBUNA
Foco: A cultura como Inclusão Social e como ferramenta de inclusão de saberes, gerando o turismo e uma economia voltada a produção cultural local.
Orador: Victor Hugo da Costa Leite
Representando: As Artes Cênicas e a Comunicação Social/Projeto Teatro

Alexandre Pinheiro disse...

Você diz agora: "Eu não falei em meu discurso falta de investimentos". No seu discurso (texto): "ano passado participei da conferência da cultura intermunicipal, e que teve como Sede Chapadinha, a qual foi realizada no auditório da Prefeitura, contudo fui votado para representar Chapadinha na Estadual. E a Prefeitura com a verba do Município, tinha que bancar a minha viagem para que pudesse representar Chapadinha na Estadual em São Luís, e fui diversas vezes na secretaria de cultura, e nada foi feito" Se isso não é falta de investimento me diga o que é?