sexta-feira, 30 de março de 2012

Coelho Neto: Soliney Divulga Nota Contando Sua Versão Sobre Incidentes


O prefeito de Coelho Neto Soliney Silva divulgou nota se pronunciando a respeito da confusão entre ele membros do sindicato dos servidores públicos da cidade.

Soliney começa pregando a respeito às posições políticas contrárias e à democracia: “desde o início da minha trajetória política tenho atuado sob o auspício da sensatez, respeitando as ideologias, de modo a preservar os princípios que norteiam a democracia, seja nas campanhas eleitorais ou nos vários mandatos que já conquistei” disse o prefeito.

O prefeito falou das dificuldades enfrentadas até chegar ao comando do município: “depois de muita persistência consegui realizar o meu projeto político, que era governar a cidade que escolhi para morar e constituir família. Tudo foi sempre muito amargo. A família Bacelar, que então dominava politicamente este município, não permitia que eu chegasse aonde cheguei”, lembrou.

Soliney Silva acusa os adversários de usarem sindicatos e meios de comunicação contra sua administração. “Hoje, como antes, pessoas camufladas de líderes sindicais, usam a entidade para, em nome dos servidores municipais, se promoverem politicamente. A diferença é que antes eles usavam apenas o Partido dos Trabalhadores e o Sindicato. Atualmente, eles ampliaram esse poder de promoção com a internet e uma emissora de rádio comunitária” declarou Soliney.

Soliney acusa membros da família Bacelar – que detinham o poder político antes dele – que estarem por trás das  movimentações de oposição: “todas as atitudes desses líderes camuflados são premeditadas, inclusive o fato de se postarem como vítimas em todas as suas badernas. E agora muito mais aparelhados, sob a tutela e o intelecto da família Bacelar, desbancada pelo povo coelhonetense nos pleitos de 2008 e 2010. Nenhum deles (família Bacelar) pode ser candidato. São todos “ficha suja”. E fica difícil para eles engolirem o fato que eu posso, querendo, disputar qualquer eleição, em qualquer pleito que preferir” especulou o prefeito.

Certo é, caríssimo blogueiro, que eles perderam campo político e agora usam o vereador Américo de Sousa, eleito no meu palanque, e toda a estrutura que mencionei, objetivando desgastar-me politicamente.

Sobre a confusão propriamente disse que tentou mediar o conflito e evitar confusão entre os sindicalistas e contratados da prefeitura insatisfeitos: “fui informado que os servidores contratados estavam tentando impedir a politização do fato, mas foi inevitável. O presidente da entidade, professor Osmar – que faz questão de dizer que será candidato a vereador, liderou uma forjada assembleia, enquanto o vereador Américo de Sousa, como sempre, foi à rádio para denegrir pessoas e tentar macular, mais uma vez, a minha administração” declarou.

“Em solidariedade aos servidores resolvi ir ao local onde se defrontavam as duas manifestações (a do sindicato, idealizada pelo grupo Bacelar, contava inclusive com aparato policial). Acreditando na possibilidade do diálogo resolvi procurar os líderes sindicais, mas fui recebido agressivamente. Um dos líderes, Lima Júnior, traiçoeiramente, atingiu-me com um microfone. “Embora querendo revidar, fui impedido por alguns amigos, retirando-me do recinto para prestar queixas na delegacia e realizar exames de corpo de delito que comprovam a agressão” finalizou o prefeito Soliney Silva.

Um comentário:

Novo Coelho neto disse...

REPUGINO O SINTASPE COM SEUS VIDEOS SEM VERSÃO, SEM DUVIDA QUE A VERSÃO DO PREFIOTO COISIDE COM A MINHA JÁ QUE EU ESTAVA LÁ NO MONENTO É O SEGUINTE, TUDO COMEÇO QUANDO O VEREADOR AMERICO DE SOUSA NA SUA RADIO AO MEIO DIA FALUO QUE O PRFEITO ERA MUITO DE UM CORRUPTO,LADRÃO ASSASSINO, E DISSE QUE O MAL RENDIMENTO DO ELKSON DO BOTA FOGO ERA CUPA DO PREFEITO DISSE TAMBEM QUE IRIA REALIZAR A FESTA NO SINTASP E QUE NÃO QUERIA VER NENHUM CONTRATADO LÁ O QUE ACONTECEU TODO MUNDO LÁ QUANDO DERREPENTE, LÁ VEM OS CONTRATADOS REEIVEDICANO SEUS DIREITOS, FECHARAM AS PORTAS DO SINDICATO E FIZERAM O A FESTA SÓ COM OS CONTRATADOS, AI O PREFEITO CHEGOU OS CONTRATADOS O SEGUIRAM E APOLICIA ARREDOU UM DOS MANIFESTANTES DEU UM CHUTE NO PORTÃO QUE SE ABRIU QUANDO O PREFEITO ENTRA E RESSEBIDO PORUMA LICROFONADA BEM NA CARA PELO PROFESSOR JUNIOR, QUE AGARROU O PREFEITO COM VIOLENCIA AI OS SEGURANÇAS MANDARAM MURROS NO JUNIOR,AI OS MANIFESTANTES INVADIRAM O SINTASP,O SOLINEY FOI PRA LÁ COM A INTENÇÃO DE FALAR COM O SINDICATO NINGUEM TAVA ARMADO, O SIONTASP O AMERICO É QUE FAZ TUDO, E PREFEITO PAGA O PATA.